sexta-feira, 2 de maio de 2008

A sinceridade

A sinceridade é ousar quebrar o reflexo ilusório da ideia que se tem de si próprio.
É expor o fruto do conhecimento a quem vive na fome.
É a capacidade de irradiar para as mais altas esferas da alma um pouco da dor de se sentir humano.
É não despir-se das imperfeições na hora do encontro.
A sinceridade pode não ser a verdade mas não deixa de ser o oposto da mentira.

A contrariedade

A contrariedade faz da emoção uma rocha na praia lisa do bem-estar. Chocam nela as ondas da vida criando redemoinhos de confusões e crate...